O Governo da RAEM tem dado apoio ao desenvolvimento e valorização da indústria transformadora de Macau, tendo dado importância ao aproveitamento da tecnologia inovadora, de modo a enviar esforços para construir Macau como uma cidade inteligente. Foshan, como é base da indústria transformadora dos equipamentos avançados na Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau, a fabricação inteligente avançada serve como um valor de referência rico e concreto para a indústria transformadora de Macau. Por conseguinte, a Direcção dos Serviços de Economia (DSE), em 30 e 31 de Agosto, chefiou uma delegação ao município de Foshan, que foi composta por mais de 20 pessoas do sector industrial e comercial de Macau, a fim de visitar o parque de alta e novas tecnologias, as indústrias de aplicação da tecnologia inovadora importantes e realizar intercâmbio e comunicação com as associações e empresas locais.

A delegação das empresas do sector industrial e comercial de Macau visitou um centro de desenvolvimento de tecnologia de drone e um centro de montagem de veículos, ambos de capitais mistos da China e da Alemanha, e uma fábrica tradicional de electrodomésticos que passou a ser um grupo de tecnologia destinado à cadeia de fornecimento inteligente de equipamentos de robôs e de sistema automatizada, para auscultar os resultados de desenvolvimento obtidos pela reforçada cooperação com as empresas estrangeiras de alta e novas tecnologias. Além disso, através de visitas nas indústrias tradicionais famosas de Foshan, incluindo indústria de cerâmica, indústria têxtil, indústria de móveis, a delegação compreendeu, de forma profunda, o impulsionamento pleno da transformação e actualização industrial pelas empresas mediante a integração profunda entre as técnicas das tecnologias inovadoras e as indústrias transformadoras.

No intuito de reforçar o intercâmbio e a cooperação entre as duas partes, a delegação teve encontros com as organizações industriais e comerciais locais, as empresas de Macau concordaram que a experiência de sucesso de transformação e inovação de Foshan vale como referência e exemplo para Macau e obtiveram também inspiração profunda, o que contribui para aumentar efectivamente a confiança de Macau para a promoção da inovação tecnológica e a competitividade das industrias, com vista ao incentivo, de longo prazo, ao desenvolvimento sustentável da diversificação adequada da economia de Macau. Ao mesmo tempo, as organizações industriais e comerciais de Foshan esperam que possam desenvolver-se no exterior e explorar os mercados internacionais como os países de língua portuguesa, mediante a função de Macau como Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa. As duas partes esperam que possam estabelecer uma relação estreita de cooperação a longo prazo, alargando o espaço de desenvolvimento nas áreas da economia e comércio dos dois territórios, concretizando uma complementaridade das potencialidades recíprocas e um desenvolvimento de benefícios mútuos, participando em conjunto os trabalhos da construção da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau.

Os membros da delegação incluem: Director da DSE, Tai Kin Ip, chefe do Departamento de Comércio Externo e de Cooperação Económica, Chan Weng Tat, e os representantes das organizações industriais e comerciais, incluindo presidente da Associação Industrial de Macau, Chui Yuk Lum António, presidente da direcção da Associação Industrial de Macau, Fong Son Kin, presidente da Federação da Indústria e Comércio de Macau Centro e Sul Distritos, Lei Cheok Kuan, vice-presidente da Associação Comercial Federal Geral das Pequenas e Médias Empresas, Lei Kuok Fai, etc..


Na sede do Grupo Midea, exibiram a tecnologia mais actualizada e os produtos inovados da companhia


A delegação, composta por cerca de 20 elementos, visitou a base de produção de móveis digitais


Intercâmbio entre membros da delegação e responsável do centro de desenvolvimento de tecnologia de drone